Insira pelo menos 2 caracteres para iniciar a busca.
  • Histórico

A Endress+Hauser mostra confiança

O Grupo mantém sua posição apesar da pandemia e começa 2021 a todo vapor

A Endress+Hauser resistiu bem ao ano de 2020 da pandemia. Apesar da queda nas vendas, a empresa, especializada em tecnologias de medição e automação, manteve o faturamento em alto nível e fortaleceu seu poder financeiro. O Grupo criou novos empregos e expandiu suas vendas globais e rede de produção. O CEO Matthias Altendorf considera que a Endress+Hauser está como bem posicionada, tanto em relação aos tempos incertos quanto à recuperação econômica.

Os negócios criam valor para a sociedade

"A Endress+Hauser foi bem-sucedida em proteger a saúde das pessoas e continuar a fornecer suporte contínuo aos clientes," disse o CEO Matthias Altendorf na coletiva de imprensa anual em Basel, Suíça. “Ajudamos a manter em funcionamento importantes áreas de nossas vidas diárias durante a pandemia. Nosso trabalho é importante para nossos clientes e para a sociedade." Os produtos Endress+Hauser são usados, por exemplo, para produzir vacinas; a subsidiária Analytik Jena fornece tecnologia PCR para detectar o coronavírus.

A digitalização teve um papel importante, avançando rapidamente durante a pandemia – em produtos, em colaborações, em processos internos. Já faz tempo que os clientes conseguem realizar transações rotineiras através do site da Endress+Hauser. O número de usuários registrados na plataforma dobrou e os negócios online cresceram 39%. Se necessário, o aplicativo Visual Support oferece técnicos de serviço virtualmente para as indústrias dos clientes. Até mesmo testes de aceitação em fábrica podem agora ser realizados remotamente com suporte por vídeo.

Fortes efeitos cambiais impactam as vendas

Ainda assim, as vendas do Grupo caíram em 2,8% para 2,577 bilhões de euros em 2020. No entanto, esse número é altamente influenciado pela evolução nas taxas cambiais nas taxas cambiais. Com exceção do franco suíço, todas as principais moedas desvalorizaram em relação ao euro. Sem esses efeitos, de acordo com o diretor financeiro Dr Luc Schultheiss, a Endress+Hauser teria quase alcançado o nível de vendas do ano anterior. “Em moedas locais, estamos acima da média da indústria e tivemos um bom desempenho no mercado."

Regiões, indústrias e segmentos individuais se desenvolveram de forma diferente. Dos três países com as maiores vendas, somente a China alcançou um crescimento e é agora o maior mercado individual da Endress+Hauser. Na Alemanha e nos EUA, por outro lado, as vendas caíram. Em contraste com a engenharia de processo, a instrumentação laboratorial registrou forte crescimento. Indústrias cíclicas sofreram com a crise, enquanto setores não-cíclicos permaneceram estáveis. “O amplo apoio do mercado nos ajudou," disse Matthias Altendorf.

Lucros em alto nível

A lucratividade da Endress+Hauser não sofreu no último ano. Em relação aos custos, as taxas de câmbio tiveram um impacto positivo em 2020, por exemplo em despesas com material. Como muitas viagens e atividades de trabalho foram canceladas, os custos de operação caíram. As despesas de funcionários cresceram a uma taxa abaixo da média. No geral, o lucro operacional (EBIT) caiu apenas 1,9%, para 337,1 milhões de euros.

Já que o resultados financeiros deterioraram de alguma forma, os lucros antes de impostos (EBT) caíram em 2,7% para 337,6 milhões de euros em 2020. O retorno sobre as vendas (ROS) permaneceu sem mudanças a 13,1%. O lucro líquido caiu 4,1%, para 254,9 milhões de euros devido a encargos fiscais mais altos. O Grupo praticamente não possui empréstimos bancários. O patrimônio líquido aumentou em 1,4 pontos para 77,0%. O CFO Luc Schultheiss fala de uma "situação financeira saudável".

Forte coesão na crise

“A família de acionistas está contente e orgulhosa por que a Endress+Hauser passou por esse ano difícil tão bem,” disse o presidente do conselho Dr. Klaus Endress. A empresa anunciou no começo da pandemia que iria evitar a redução nas horas de trabalho se possível e que não dispensaria nenhum funcionário por conta da crise. Para o presidente do conselho fiscal, isso foi um sinal importante. “Houve muita solidariedade na empresa, o que nos ajudou durante a pandemia,” enfatizou Klaus Endress.

O número de funcionários cresceu em 126 para 14.454 no mundo todo em 2020. Praticamente, todos os aprendizes conquistaram um cargo após concluírem seus treinamentos. A Endress+Hauser busca aumentar a parcela de mulheres em posições de liderança para cerca de 30% até 2030 – dobrando a proporção atual. A empresa já reduziu significativamente sua pegada ecológica nos últimos anos. No ano da pandemia, as emissões de dióxido de carbono caíram ainda mais de 10,1 para 8,9 toneladas por milhão de euro em vendas.

Grandes investimentos e muita inovação

Em 2020, a Endress+Hauser avançou em projetos de grandes investimentos, gastando 205,9 milhões de euros (10,9% a menos que no ano anterior), primordialmente, em produção. Os dois maiores projetos envolvem a expansão das fábricas em Reinach, Suíça e Maulburg, na Alemanha. Além disso, as instalações em Gerlingen e Waldheim na Alemanha e em Aurangabad na Índia estão sendo expandidas. As centrais de vendas no Canadá e México também estão construindo novas instalações.

A empresa gastou 195,1 milhões de euros em P&D, o equivalente a 7,6% das vendas. A Endress+Hauser registrou patentes para 276 invenções pela primeira vez, 42 a menos do que em 2019. Para o CEO Matthias Altendorf, isso demonstra a desvantagem do trabalho em home office: "as pessoas são mais criativas quando inspiram umas às outras e buscam por soluções de forma colaborativa." No entanto, a força inovadora do Grupo permanece intacta: 40 novos produtos foram lançados em 2020, no ano atual o número esperado é de 74.

Bom começo para o ano atual

Em 2021, a Endress+Hauser procura crescer na faixa um dígito médio percentual. O Grupo começou o ano atual com ímpeto. Nos primeiros três meses, os pedidos recebidos estiveram acima das metas internas da empresa, assim como acima do primeiro trimestre ainda forte de 2020. As taxas de cambio estão mais uma vez pesando nas vendas consolidadas. Além disso, a empresa espera uma lucratividade menor, já que muitas economias do último ano foram pontuais.

“A perspectiva continua a ser caracterizada pela incerteza," enfatizou o CEO Matthias Altendorf. Além de novas ondas da pandemia e novas variantes do vírus, a cadeia de suprimentos continua a causar preocupações em toda a indústria, disse ele. Portanto, a Endress+Hauser está aumentando inventários e fortalecendo sua rede de fornecedores. Novos centros de logística eficiente foram colocados em funcionamento na China e Alemanha.

Registro da coletiva de imprensa anual de 2021: Matthias Altendorf com seu discurso "Resistindo à crise"

Registro da coletiva de imprensa anual de 2021: Dr Luc Schultheiss e seu discurso "Fatos e números de 2020"

Registro da coletiva de imprensa anual de 2021: Dr Klaus Endress com o discurso de fechamento.

Registro da coletiva de imprensa anual de 2021: perguntas e respostas

Endress+Hauser impulsiona a indústria 4.0 com equipamentos inteligentes e serviços digitais. ©Endress+Hauser

Endress+Hauser impulsiona a indústria 4.0 com equipamentos inteligentes e serviços digitais.

Endress+Hauser oferece a seus clientes testes de aceitação em fábrica remotos com suporte por vídeo. ©Endress+Hauser

Endress+Hauser oferece a seus clientes testes de aceitação em fábrica remotos com suporte por vídeo.

Um protocolo para acesso protegido por senha a equipamentos de campo pode se tornar um novo padrão da indústria. ©Endress+Hauser

Um protocolo desenvolvido pela Endress+Hauser para acesso protegido por senha a equipamentos de campo pode se tornar um novo padrão da indústria.

A digitalização já chegou nos locais de produção da Endress+Hauser há muito tempo. ©Endress+Hauser

A digitalização já chegou nos locais de produção da Endress+Hauser há muito tempo.

A Endress+Hauser ajudou a indústria de ciências da vida a desenvolver sua capacidade de produzir vacinas. ©Endress+Hauser

Durante a pandemia, a Endress+Hauser ajudou a indústria de ciências da vida a desenvolver sua capacidade de produzir vacinas.

A demanda pelas tecnologias de análise de líquidos da Endress+Hauser continua inalterada. ©Endress+Hauser

A demanda pelas tecnologias de análise de líquidos da Endress+Hauser continua inalterada.

Medidas de proteção abrangentes preveniram efetivamente a propagação do coronavírus. ©Endress+Hauser

Medidas de proteção abrangentes preveniram efetivamente a propagação do coronavírus nas instalações da Endress+Hauser.

A Endress+Hauser foi capaz de assegurar a disponibilidade de material em todas as fábricas em 2020. ©Endress+Hauser

A Endress+Hauser foi capaz de assegurar a disponibilidade de material em todas as fábricas em 2020 e a manter sua habilidade de fornecer para o mundo todo.

A Endress+Hauser reduziu ainda mais sua pegada ecológica no último ano. ©Endress+Hauser

A Endress+Hauser reduziu ainda mais sua pegada ecológica no último ano.

A Endress+Hauser busca aumentar a parcela de funcionárias mulheres e recrutar mais mulheres para posições de liderança.

332 jovens estiveram em treinamento na Endress+Hauser em 2020. ©Endress+Hauser

332 jovens estiveram em treinamento na Endress+Hauser em 2020. Mesmo durante a crise, praticamente todos os aprendizes conquistaram um cargo após completar o treinamento.

Contato