Foco na eficiência

A moderna arquitetura e o conceito de energia sustentável marcam a planta em Gerlingen, Alemanha.

25 milhões de euros foram investidos na ampliação e na reconstrução do centro de competência para análises de líquidos. O projeto realizado em três etapas deu forma a áreas extras de produção, escritórios modernos, laboratórios, treinamento e áreas para conferências em Gerlingen, Alemanha. “Como uma empresa que opera na área de meio ambiente, sentimos que precisamos passar a mensagem”, explica o diretor Dr. Manfred Jagiella. Por isso, as últimas novidades em serviços de engenharia civil foram utilizadas na nova construção.

Tudo sob controle. ©Endress+Hauser
Elemento central do conceito de energia. ©Endress+Hauser

Aquecimento, refrigeração, energia

O elemento central é uma planta que combina aquecimento e energia, mas que também pode ser usada como gerador reserva, especialmente para a central de computadores. A unidade de gás natural gera 223 quilowatts de energia elétrica além de 335 quilowatts de energia de aquecimento que pode ser alterada para refrigeração quando necessário, um recurso muito especial. Os compactos refrigeradores de absorção estavam sendo desenvolvidos especificamente para esse fim em um projeto de P&D, porém, decidiram fazer uma instalação piloto que resultou em um aumento considerável da eficiência.

Sistemas de construção termoativos

Os tubos que passam em tetos e pisos de concreto fazem com que os elementos da construção ajam como coletores de calor no inverno e coletores de frio no verão, reduzindo a energia necessária para aquecimento e refrigeração. O ar fresco circula pelo prédio por meio de coletores no chão – seis longos tubos, com 1,40 metros de diâmetro cada, inseridos no alicerce. Apenas alguns graus de diferença já têm um impacto enorme – e os custos com energia são reduzidos proporcionalmente à energia necessária.

O teto está vivo

As plantas nas grandes superfícies do telhado são muito mais do que um atrativo, pois elas melhoram o clima dentro do prédio e aliviam a rede pública de esgoto ao absorver a água da chuva. O telhado se tornou um biótopo.

Incentivo e obrigação

Para gerenciar a energia do prédio, a Endress+Hauser Conducta foi uma das primeiras empresas a ser certificada com a norma ISO 50001 e o ministério alemão de negócios e tecnologia concedeu um prêmio à contínua otimização da eficiência energética do local em 2012.

Contato